Minha foto
Sou Sonia Novaes,Artista Plástica. Gosto de fotografar a natureza,os pássaros,o cotidiano. Gosto de poesias,escrevo alguns contos das viagens que faço e adoro culinária. Adoro fazer novas amizades e tenho muito carinho,por todos que conheço. Trabalho com artesanatos,cerâmica,patch sem agulha e tear manual. Confecciono colares e brincos de fuxicos. Certas palavras podem dizer muitas coisas; Certos olhares podem valer mais do que mil palavras; Certos momentos nos fazem esquecer que existe um mundo lá fora; Certos gestos,parecem sinais guiando-nos pelo caminho; Certos toques parecem estremecer todo nosso coração; Certos detalhes nos dão certeza de que existem pessoas especiais, Assim como você que deixarão belas lembranças para todo o sempre: Vinicius de Moraes

terça-feira, julho 22, 2008

Amigas Especiais...

Está é a Adolfina..coração de ouro...simples..bondosa...com a filha do coração...
Olhe lá a Vovó Belluta,como todos a chamam...
A minha lindinha do coração..protagonista da minha história escolhida no cybercook....D.Maria...
Dona Mariinha...a biscoiteira...doce que nem mel....
D.Maria Cristina...a poetisa...

Cinco mineiras especiais...
Assim que chego em Resende vou visitar todas elas...
Há muitos anos que eu as conheço.Pessoas simples, mas de coração puro.
Adolfina,tem muitos filhos, quase todos casados,resolveu adotar duas crianças...dois irmãos..a menina Nara e o irmão dela o Ico,como todos o chamam.As crianças trouxeram alegria para o casal e aos filhos que ainda moram na casa.Adolfina sempre lutou muito na vida para criar os filhos e agora acabou por adotar as crianças que são os anjos que vieram para completar a felicidade de todos.
Vovó Belluta...tão querida...a filha Dininha tece para mim...quando vou lá na casa dela,fico proseando um tempão com as duas,D.Belluta vai contando a vida dura que levava na roça e um tanto de filhos que tinha,foi duro criar todos.A vida na roça não é fácil prá ninguém,mas ela era uma mulher de fibra,ajudou o marido na lavoura e criou todos os filhos,fala deles com muito carinho.Não conheço na pequena cidade,quem não goste dela...fala manso...pausado...vai contando um tanto de histórias e eu fico ali,ouvindo ela falar,fala com o coração...e a Dininha vai arrumando os fiapos que ficam nos tapetinhos,calmamente,presssa ali,não tem vez...rsss...
Olho o paneleiro na parede...as panelas brilham..lindas...adoro-as...e os bules então?De ágata...o fogão à lenha tinindo...e a comidinha feita ali tem um sabor especial...quando vou embora,percebo a tristeza nos olhos dela,pede prá eu ficar mais um pouco,mas o tempo é curto...nos abraçamos...e lá vou eu para outra casa...Vovó Belluta fica no portão abanando a mão,até eu desaparecer...
D.Maria...ah! essa sempre tem um sorriso nos lábios..sempre encontro-a à beira do fogão à lenha fazendo o almoço para toda família e empregados que trabalham na oficina com o marido.Nunca vi essa criatura reclamar de nada,levanta muito cedo e já começa a trabalhar...tem o sorriso mais doce que já conheci...logo vem com uma canequinha de café e os biscoitinhos de polvilho que nunca faltam em sua casa.Faz quitanda toda semana...de vez em quando,tenho sorte de ir lá quando ela está fazendo as delícias...faz pamonha...broa de fubá,de canjica..biscoitinho de amendoim,de leite...e assim vai enchendo as latas...o forno de barro,fica cheio...ah!doce D.Maria...tão linda...sou apaixonada por ela...é outra que nunca deixei de visitá-la.
D.Mariinha...faz biscoitinhos e rosquinhas para vender.
Outra pessoa muito especial...um dia me contou sua vida...até chorei...uma vida cheia de grandes tristezas,de poucas alegrias...levanta de madrugada todos os dias...e já começa a fazer os biscoitos,o lugar que ela trabalha é meio escuro..mas mesmo assim não pára um minuto de trabalhar...parece formiguinha.Faz as mais lindas rosquinhas na maior rapidez...e os biscoitinhos então...ah! deliciosos...são palitinhos fininhos que derretem na boca.Vende a lata...quando vou lá trago muitos e depois dou de presente para todas minhas amigas.
Embora seu semblante seja triste...algumas vêzes já presenciei ela sorrindo...é uma pessoa também muito especial...minha grande amiga.
D.Maria Cristina...é a grande poetisa..faz poesias,desde pequena...aprendeu a ler e escrever depois de moça,mas sempre pedia para alguém escrever os versos,já nasceu artista.
Conheci-a na casa da Adolfina e um dia bati à sua porta para ler seus versos cheios de prosa.
Frequenta o grupo da terceira idade e é a mais alegre,faz poesias para todo mundo,nas excursões que elas fazem,as pessoas fazem questão que ela vá,porque vai fazendo todo mundo rir dentro do ônibus e antes que este parta,ela já tem uma trova na ponta da língua e vai declamando e todos batem palmas.
Cinco mulheres guerreiras...que eu tive o imenso prazer de conhecê-las....

2 comentários:

clau disse...

...gostei demais deste post e das pessoas que aparecem nele: coisas da empatia da gente.
Pq é sempre muito bom poder compartilhar da companhia de pessoas assim, pq é como aprender uma liçao.E alguma coisinha da vida simples delas sempre acaba servindo pra melhorar a vida da gente, tb...!
Um bj pra vc!

Sonia Novaes disse...

Clau

Estive fazendo outra viagem,amanhã colocarei relatos sobre ela...
Vai gostar com certeza...
Bjs e volte sempre...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...