Minha foto
Sou Sonia Novaes,Artista Plástica. Gosto de fotografar a natureza,os pássaros,o cotidiano. Gosto de poesias,escrevo alguns contos das viagens que faço e adoro culinária. Adoro fazer novas amizades e tenho muito carinho,por todos que conheço. Trabalho com artesanatos,cerâmica,patch sem agulha e tear manual. Confecciono colares e brincos de fuxicos. Certas palavras podem dizer muitas coisas; Certos olhares podem valer mais do que mil palavras; Certos momentos nos fazem esquecer que existe um mundo lá fora; Certos gestos,parecem sinais guiando-nos pelo caminho; Certos toques parecem estremecer todo nosso coração; Certos detalhes nos dão certeza de que existem pessoas especiais, Assim como você que deixarão belas lembranças para todo o sempre: Vinicius de Moraes

quarta-feira, agosto 29, 2007

As esculturas da Delfina...

Esta é a mineira Delfina....
Delfina e Maria....com suas esculturas em estopa...ou linhagem....

A primeira vez que fui à Tiradentes(1997) ao passar por uma loja,vi uma escultura que me chamou atenção.
Era um presépio todo feito de estopa,as imagens representando o Menino Jesus,Maria e José, eram perfeitas.Fiquei encantada com todas as peças que estavam expostas na loja...tentei por todos os meios, fazer com que a proprietária da loja me falasse quem era o artista que tinha feito aquelas figuras tão maravilhosas.Ela apenas me disse que se tratava de uma mulher,mas não quis me fornecer o endereço...confesso à vcs que até perdi o interesse de ver as outras coisas...rsss...as imagens não me saiam da cabeça.
Olhando bem as figuras,pude perceber que as figuras tinham um olhar estranho,não sei explicar para vcs o porquê que aquelas figuras mexeram tanto comigo.
Como já era tarde,resolvi que no dia seguinte eu ia fuçar até achar a escultora,ou a dona daquelas figuras humanas tão impressionantes.
Levantei-me cedo e fui à caça...rsss...quando estava quase desistindo,encontrei uma pessoa que me forneceu o endereço, de fato não era na cidade de Tiradentes,ficava bem longe dali.
No dia seguinte,peguei uma amiga, que conhecia aquelas "bandas" e caimos na estrada...estava armando um temporal, danado,mas mesmo assim fomos,pois a minha curiosidade falava mais alto.Fomos para uma cidade chamada Lagoa Dourada...estrada perigosa demais,cheia de curvas fechadas...assim chegamos lá...a chuva passou longe....ainda bem.
A cidade é conhecida como a capital do Rocambole....e que rocambole minha gente...de todo jeito:com goiabada...é o que mais eu gosto...com doce de leite...de creme...de chocolate...tanto que até perdi a conta.Tinha uma doceria que enrolava o "trem" na hora...era só escolher o recheio e enrolar a "encrenca"...rsss...kkkk....de comer ajoelhado...ei trem bom sô...rsss....comemos até...saimos toda lambuzadas de recheio de goiabada.Entramos no carro e caimos numa estrada de terra.Era mais buraco que estrada...rsss..andamos até chegar num povoado...longe prá caramba...chamado:Arame.
Perguntamos onde morava a artista...chegamos numa casa simples...lá de dentro saiu uma mulher magrinha com o olhar mais triste que já vi na minha vida....ensaiou um sorriso tímido e nos recebeu na maior cortesia.
Pronto lá estava eu diante da pessoa que eu procurava há dois dias...fiquei até com vergonha de mim...eu toda arrumada e a mulher com uma roupa muito simples que me fez até ficar com remorso...mas....me apresentei e disse a ela que eu estava curiosa para conhecê-la,pois tinha visto as obras dela na cidade e tinha achado-as encantadoras.
Ela estava preparando um presépio com figuras grandes, como essas da foto...
Vcs não imaginam como eram essas peças...todas feitas em armação de arame e revestidas com papel e estopa.
Uma artista nata...sem estudo...humilde e talentosa...as figuras eram tão perfeitas que pareciam gente mesmo.
´Perdi a noção do tempo...fiquei extasiada diante de tanta beleza e da pureza de alma dessa criatura.
Comprei dois presépios menores, com vários elementos...as outras peças já estavam todas vendidas.
Nunca esqueci essa pessoa maravilhosa e talentosa como essa criatura Delfina.
Nunca mais a vi, pois o sítio que ela morava ficava muito distante e sempre que ia à Tiradentes,ia a trabalho e não restava muito tempo.
Esses são os verdadeiros artistas,os anônimos da vida...pensar que existem tantos artistas que se julgam "estrelas" e conhecendo a Delfina,dentro da sua simplicidade e grandeza,pude avaliar que para ser um grande artista,além do talento...vc tem que ser modesto...essa é a verdadeira essência da vida.

10 comentários:

Eduardo P.L. disse...

Tens toda razão. Parabéns à ARTISTA e a você pela bela postagem.


Abçs

Vera disse...

Oi Sônia td bem?
Legal esta artista e os ypês estão realmente lindos...adorei suas fotos!
Bjo
Vera do http://ceramicaedicaolimitada.blogspot.com/

cristina disse...

oi Sônia!

Eu me emocionei com as postagens, lembrei-me de muita coisa guardada na minha memória. A Delfina realmente um talento, no meio de tanta simplicidade nasce com todo seu dom de artista.
Beijinhos
cristina
www.portuguesdobrasil.blogspot.com

Sonia Novaes disse...

Eduardo

Existem pessoas que eu conheci ao longo dessa minha caminhada,pelas estradas de Minas.que ficaram marcadas pelo resto da minha vida,são histórias onde impera a bondade,ternura e simplicidade, desse povo mineiro tão acolhedor e hospitaleiro.Cd viagem um ahistória diferente e assim sempre vou tendo coisas para contar...rsss...
Um abraço...

Sonia Novaes disse...

Eduardo

Existem pessoas que eu conheci ao longo dessa minha caminhada,pelas estradas de Minas.que ficaram marcadas pelo resto da minha vida,são histórias onde impera a bondade,ternura e simplicidade, desse povo mineiro tão acolhedor e hospitaleiro.Cd viagem um ahistória diferente e assim sempre vou tendo coisas para contar...rsss...
Um abraço...

Sonia Novaes disse...

Vera
Pena que as flores já foram embora...rsss...agora amarelos só o ano que vem.
Bjs

Sonia Novaes disse...

Cristina

Pensar que exitem tantos artistas, que se julgam o todo poderoso e ao encontrar uma pessoa tão doce que nem a Delfina,meu coração se enche de alegria.
Bjs

Marcia disse...

Ola, cheguei pela porta da cozinha da Cinara e adorei!
Que artesanatos lindos! Onde estão?
Voltarei a visitá-la e desculpe a invasão, apareça no Ideias

O Meu Jeito de Ser disse...

Sonia, são essas pessoas que fazem a diferença.
Pessoas simples, com toda humildade do mundo, mas que ama o que faz.
Acho que além da modéstia, há de ter o amor pelo que faz, o dom nato que possui somado à modéstia e o amor, dá um resultado perfeito.
São obras maravilhosas, que podemos considerar um ato de sorte poder ver e ter peças assim.
Parabéns pela descoberta.
Um beijo

Sonia Novaes disse...

Marcia

Bem-vinda a minha página.
Os meus artesanatos estão em minha casa...e vou vendê-los tb na casa das minhas amigas.
Um beijo gde para vc...

O meu jeito de ser

Até hoje sinto saudades dela.Guardei para sempre aquele olhar tristonho...olhar de bondade...
Bjs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...